Prefeitura intensifica trabalho de fiscalização e orientação

A Prefeitura de Engenheiro Coelho, através da Vigilância Sanitária (VISA) e com o apoio da Guarda Municipal (GM), intensificou o trabalho de fiscalização das medidas de prevenção a Covid-19 nos comércios da cidade.

A orientação passada pelo prefeito, Dr. Zeedivaldo Alves Miranda, é orientar a todos da melhor forma possível. “É preciso a colaboração de todos neste momento. Cada cidadão coelhense deve fazer a sua parte”, afirma o prefeito.

Durante o fim de semana, mais de 30 estabelecimentos comerciais foram fiscalizados e notificados pelos agentes da VISA. Entre as principais infrações estão a falta de álcool em gel, aglomerações e o controle da lotação máxima. Outra infração, que vem chamando a atenção dos fiscais, são os estabelecimentos abertos após as 20h, entre eles, bares e congêneres.

O prefeito também afirma que, neste momento, durante a Fase Emergencial do Plano SP, o objetivo não é prejudicar ainda mais os comerciantes. Porém, se as medidas de prevenção não forem cumpridas, será necessário a aplicação de multas.

“Nós não queremos prejudicar os comerciantes da cidade com o fechamento total. Porém, eu preciso que todos entendam que o momento é delicado. Nós precisamos do apoio de todos, para que nossos comerciantes não sejam prejudicados ainda mais”, afirmou o prefeito.

É importante ressaltar que, desde o início do mandato, a atual gestão vem realizando ações de conscientização da população no combate a pandemia. “Somente com o apoio de todos, inclusive dos comerciantes, vai ser possível não adotarmos medidas mais restritivas”, concluiu o prefeito.

Boletim Epidemiológico

Segundo o Boletim Epidemiológico, divulgado nesta terça-feira (23), a cidade chegou a 1901 casos positivos. Destes, 1708 pacientes estão curados. Dois pacientes estão internados em leitos de enfermaria e sete pacientes estão em leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).

No boletim também houve a confirmação de mais uma morte por covid na cidade. A cidade tem, até o momento, 31 óbitos confirmados pela doença.